Gerencie sua rádio de forma sustentável e eficiente

Gerencie sua rádio de forma sustentável e eficiente

Para que sua empresa cresça a longo prazo, é importante ter uma gestão otimizada. Sua rádio é sua empresa, afinal, com tantas tarefas e setores diferentes, é impossível fazê-la crescer sem administrá-la corretamente.Independente dela ser uma emissora on-line é jornalística, musical ou comunitária ― o trabalho de gerenciamento é essencial. Gerencie sua rádio de forma sustentável e eficiente

Um gestor de rádio precisa lidar com os profissionais envolvidos, a grade de programação, finanças, publicidade, anunciantes, equipamentos, ouvintes, mídias sociais e muitos outros setores.

Embora cada área necessite de profissionais especializados, o uso de sistemas de gestão facilita o trabalho para todos. E por isso trouxemos esse post hoje. Acompanhe até o final.

Como gerenciar de forma sustentável?

Utilizando softwares que unificam diversas tarefas em um mesmo local.

Ações centralizadas

O uso de softwares para centralizar e organizar essas diversas atividades, trará inúmeros benefícios, tais como:

  • divulgação do calendário da rádio para todos os envolvidos;
  • atualização sobre as atividades de todos os setores;
  • centralização das atividades de marketing digital;
  • otimização do trabalho da equipe. Os colaboradores podem passar mais tempo com atividades que realmente exigem esforço e pesquisa, em vez de perder horas em atividades burocráticas;
  • diminuição de custos.

E essas são apenas algumas das vantagens dessas soluções integradas!

Otimização do tempo

Depois de centralizar essas ações, ocorre diminuição de tempo gasto para a execução de cada uma delas. É um trabalho feito com mais qualidade e em muito menos horas. Além disso, as chances de retrabalho também são menores.

Tarefas feitas com mais qualidade

Os profissionais terão mais tempo para lidar com as atividades que precisam de mais concentração, a qualidade da sua programação tende a aumentar.

Organização

Agora você poderá separar antecipadamente tudo o que será usado nos programas, como músicas, entrevistas, matérias e vinhetas. É também possível acessar rapidamente todo o acervo da rádio para deixar as transmissões muito mais interativas.

O responsável por lidar com a mesa de edição vai ter muito mais facilidade em lidar com toda a programação. E o incrível, é possível até mesmo gerenciá-la à distância!

Por fim, todos os arquivos e documentos necessários para o funcionamento da rádio também estarão à disposição com muito mais facilidade.

Atenção aos ouvintes

Com a centralização do trabalho feito em todas as ferramentas de interação do seu blog (e-mails, site, blog, redes sociais), fica muito mais fácil ler comentários dos ouvintes e respondê-los devidamente. Além disso, você pode pesquisar o que seu público tem dito sobre a rádio e criar estratégias para reverter as críticas.

Os principais pontos que devem ser gerenciados são:
Financeiro

Embora seja uma parte que requer um pouco mais de atenção, é impossível deixar de lado a área financeira. No entanto, um sistema de gestão otimizado vai lidar com contas a pagar e a receber, emissões de notas fiscais, faturamento, caixa e muito mais. E tudo de forma clara, sem que haja a necessidade de terceirizar esse serviço.

Conteúdo

O conteúdo é aquilo que vai atrair a sua persona sem que você precise vender seu produto ou serviço de forma invasiva. A lei do marketing de conteúdo diz que o cliente deve “permitir” que a empresa apresente seu portfólio, sem agir de forma irritante, como ocorre com a publicidade tradicional.

Isso ocorre por meio da criação de conteúdo para o blog da rádio, o próprio site, as redes sociais e, até mesmo, podcasts. Além da redação, você precisa lidar com publicação, atualização, interação com usuários, criação de e-mail marketing e newsletters, monitoramento de métricas e vários outros dados.Muita coisa né?

Há diversas ferramentas de publicação, monitoramento e geração de relatórios de métricas que facilitam esse trabalho, permitindo que todo o processo seja feito a partir de um ou dois softwares.
Esses programas também podem ser usados para salvar todo o histórico de interações com os ouvintes, de atividades como enquetes, pedidos de música, interações via telefone, e-mails, promoções e muito mais.

Programação

Numa mesma plataforma, você pode ter controle sobre diversos recursos, como as vinhetas do programa, músicas, entrevistas e matérias gravadas, entrada e volta do intervalo, microfones, acesso às pautas e entradas ao vivo.

Mídias sociais

Uma web rádio deve ter uma presença digital marcante, e nada melhor do que as redes sociais para atrair e reter ouvintes, não é verdade? Da mesma forma que ocorre com o marketing de conteúdo, as mídias sociais precisam de uma ferramenta para centralizar o trabalho.

Cada página pede um conteúdo específico ― até o compartilhamento de um perfil para outro deve ser feito com cuidado. Um programa que possa centralizar todo esse conteúdo, incluindo as ações de postar nas plataformas específicas, mensurar resultados de campanha e monitorar menções da sua rádio, otimizará consideravelmente o trabalho de gestão.

Aplicativos

Um aplicativo para sua rádio também é uma forma de otimizar o gerenciamento da sua rádio. Afinal, é uma forma rápida e prática de estar sempre perto da seus ouvintes. Além disso, você atrai novos ouvintes, já que seu aplicativo estará disponível para download nas principais plataformas.

Você pode também ter um espaço para anúncios, onde otimiza as campanhas para seus anunciantes e traz mais retorno com um custo menor.

Gerenciar rádio é administrá-la utilizando recursos que possam interligar todos os setores envolvidos sem que haja perdas na qualidade. Dessa forma, os colaboradores conseguem investir mais tempo em tarefas que necessitam de mais atenção. Por fim, você consegue organizar e disponibilizar para todos arquivos importantes para o funcionamento da sua emissora.

Para gerenciar radio da melhor maneira possível, é preciso contar com um serviço de streaming confiável, com recursos únicos e suporte disponível sempre que necessário. Entre em contato com a MaxCast e saiba mais!3333

 

Descubra como divulgar a sua web rádio por meio dos mecanismos de busca!

Você contratou um serviço de streaming, criou a sua web rádio, preparou todo o conteúdo da programação com muito carinho… mas e agora? O que fazer? Confira este post e descubra como tornar a sua rádio mais conhecida para conquistar a sua audiência!

divulgar a sua web rádio

Sabemos que a criação de uma web rádio é um processo muito emocionante. Não tem nada mais empolgante do que ver o seu número de ouvintes e fãs crescendo a cada dia. No entanto o processo de atrair novos ouvintes é um dos trabalhos que mais causam preocupação nos donos das web rádios. O baixo número de ouvintes e a falta de crescimento, faz com que muitos fiquem desanimados e acabem desistindo do projeto de ter uma rádio online.

A verdade é que construir uma base sólida de ouvintes exige muita persistência e paciência. Porém, a boa notícia é que existem algumas estratégias importantes de divulgação por meio dos mecanismos de busca, que com certeza vão ajudar a alavancar a audiência da sua rádio web.

Neste artigo você conhecerá as melhores formas de divulgar a sua web rádio por meio dos mecanismos de pesquisa.

A importância da divulgação para o crescimento da audiência da sua web rádio

 

O mundo está em constante mudança com o aparecimento das novas tecnologias e a internet criando muitas novas oportunidades. Praticamente todos os dias acabam surgindo novos serviços, novas ideias e consequentemente as pessoas estão ficando cada vez mais conectadas na internet. E com o aumento da disponibilidade de conexão banda larga, as web-rádios estão em evidência.

Hoje há uma grande facilidade para montar uma web rádio. Alguns provedores de streaming fornecem diversas ferramentas que facilitam e muito a vida de quem deseja ter uma web rádio no ar. Por exemplo, o recurso do auto-dj, o site administrável, aplicativo para rádio, etc… tudo por um custo muito baixo! Mas o grande X da questão é: Como aumentar a audiência da rádio web?

A divulgação da web rádio é fundamental para o crescimento da sua audiência e é necessário que você entenda como divulgá-la nos novos mecanismos de busca.

Como divulgar a sua web rádio nos mecanismos de busca?

 

⦁ Crie um site para a sua web rádio e ganhe destaque no Google!

Ter apenas uma página no Facebook ou uma conta no Twitter poderá não ser muito eficiente, até porque essas mídias não estão totalmente no seu domínio.

O recomendado é que você tenha um site, pois isso te ajudará muito na divulgação da sua rádio web. Como falamos, alguns provedores de streaming fornecem site administrável para web rádios. Utilizando o site administrável, a sua audiência poderá obter as últimas informações, novidades e detalhes sobre as programações.

Ter um site para sua web rádio também é uma ótima maneira dos seus ouvintes se comunicarem com você. Além disso também ajudará a reforçar a sua credibilidade e o seu profissionalismo, o que no final, irá ajudar na divulgação da sua web rádio.

⦁ Utilize as técnicas de SEO!

A utilização das técnicas de SEO tornou-se uma parte muito importante para divulgação de qualquer site. É importante que você se certifique de otimizar o site da sua rádio web para tornar o seu conteúdo prontamente visível em uma pesquisa do Google. Quanto mais bem posicionado nas páginas do Google o site da sua web rádio estiver, mais pessoas poderão encontrar o seu site e conhecer a sua rádio online.

Confira algumas dicas de SEO que você poderá utilizar no site da sua web rádio

 

⦁ Faça uma pesquisa e utilize as palavras-chaves corretamente!

A procura pelas palavras chaves deve ser a primeira atitude a se tomar, e o segredo está em encontrar as palavras-chave que tenham muita demanda e ao mesmo tempo com uma baixa concorrência. O Google disponibiliza uma ferramenta de palavras-chave na qual você poderá fazer a análise demanda x concorrência dos termos de pesquisa que estejam relacionados ao tema do site da sua rádio web.

⦁ Desenvolva um conteúdo relevante e de qualidade!

Sabemos que conteúdos de qualidade são raros na internet. Conteúdos bem feitos, que tenham no mínimo 600 palavras e informações relevantes, serão a base para todas as outras técnicas de SEO que forem utilizadas.

⦁ Use títulos impactantes e que falem diretamente com o leitor!

O título da página da sua web rádio é uma das partes mais importantes, e deve conter sua palavra-chave principal. É importante que ele seja objetivo e explique em poucas palavras, o conteúdo da página. Assim como os artigos devem ser relevantes para o leitor, os títulos também devem ser feitos cuidadosamente, pois serão eles os responsáveis por instigar o leitor a ler os artigos do site da sua rádio web.

Como você pode perceber, existem diversas técnicas que você poderá utilizar para melhorar a posição do seu site nos mecanismos de pesquisa do Google, porém todos exigem dedicação, tempo e paciência. Mas se você prefere um resultado um pouco mais rápido e tem recursos para investir, uma opção é o Google Ads.

Como investir em anúncios pagos

 

É claro que o Google Ads é, sem dúvida, o modelo de publicidade mais popular entre todas as pessoas que decidiram criar um site na internet, e você poderá utilizá-lo também para divulgar a sua web rádio.

Quando falamos em anúncios na internet, criar uma campanha Ads acaba sendo a primeira opção que nos vem à cabeça, porém divulgar no Google Ads não é tão simples assim.

Para você começar a criar as campanhas da sua web rádio no Google Ads, é importante que você pesquise e estude antes, analise a sua concorrência e encontre as melhores técnicas para que a sua campanha seja realmente eficiente.

Se você ainda não conhece muito sobre como fazer os anúncios pagos, o recomendado é que você inicialmente faça investimentos pequenos e tente postar diferente tipos de anúncios, analisando quais estão gerando melhores resultados para sua rádio web.

Você pode anunciar no Google Ads, Facebook ou no Twitter, pagando por clique com base nas palavras-chaves procuradas inicialmente e que estão relacionadas ao conteúdo da sua web rádio.

Uma outra forma de divulgação, seria entrar em contato com os sites relacionados ao seu conteúdo e verificar o custo para colocar um banner da sua web rádio nesses sites.

Existem diversas técnicas que você poderá utilizar para divulgar a sua rádio web dentro dos mecanismos de pesquisa, desde as estratégias para divulgação gratuita, como outras que requerem dispêndio de recursos financeiros.

Seguindo essas dicas com persistência e paciência, com certeza a sua web rádio terá bons resultados e logo ela estará com a sua audiência consolidada.

Fonte: https://www.brlogic.com

Programação de sucesso

Programação de sucesso

Para se ter uma programação de sucesso é preciso de uma linguagem deve bem pensada e simples, além de uma voz bela. Portanto, mesmo usando a fala, a escrita precisa existir. Por isso um roteiro é indicado para o dia a dia da sua rádio.
Basicamente uma rádio é dividida por gêneros: musical, variedade, popular, informativo, esportivo e humorístico.

 

Mas, como saber qual tipo de gênero diz mais aos meus ouvintes? É preciso abordar todos eles? Não é necessário ter todos os gêneros na sua rádio. Você pode definir o que quer passar e quais os gêneros abordar.

Separamos três itens que são muito importantes para se ter uma programação de sucesso:

1- Segmentação  (conhecer o seu ouvinte):Conhecer e entender seu público-alvo é um dos fatores relevantes para alavancar sua rádio. Além de melhorar a audiência, a programação passa a ser toda pensada e organizada de acordo com as preferências e características de seus ouvintes, gerando maior fidelização.

Tenha bate-papo com seus ouvintes. Abra votações, interações. Utilize seu site, suas redes sociais. Dessa forma, é possível identificar a faixa etária do seu público, sexo, classe econômica, se eles acessam pelo streaming no site ou app.

Saber compreender o público-alvo irá te ajudar a produzir a programação de sucesso na sua web rádio. Sabendo onde está o seu público, você consegue gerar maior engajamento. Entenderá exatamente qual melhor horário para colocar aquele programete de humor, horóscopo, as músicas mais pedidas. Você fala diretamente com o público daquela região. A partir daí, os ouvintes perceberão que o bloco musical e os assuntos estão voltados para eles.

2- Intervenções: Além de uma programação musical, porque não colocar umas intervenções para seus ouvintes? Por exemplo:

# Programetes: pequenos áudios que enriquecem sua web rádio; de humor, notícia, horóscopo, entre outros;
# Vinhetas: são jingles que destacam o programa, a rádio, ouvintes, entre outros;
# Hora Certa: é um recurso no AutoDJ que você pode acrescentar no intervalo das músicas, para informar a hora exata, diariamente.

Além dessas intervenções, fazer entrevistas e bate-papo também é uma boa pedida, desde que não sejam longas.

3- Músicas: Após ter definido seu público, agora é a hora de dar aos seus ouvintes uma programação de qualidade. Uma das maneiras de saber por onde seguir, musicalmente falando, é interagir com seus ouvintes. Por meio do seu site, pedidos de músicas, aplicativo, redes sociais é possível conhecer melhor seus ouvintes e identificar onde você pode incrementar, melhorar ou apenas incluir mais canções.

Então é isso, seguindo esses itens em sua programação irá aumentar a sua audiência, fidelizar seus ouvintes e adquirir mais anunciantes. Além de deixar a sua programação mais coerente e direcionada.

O sucesso depende de cada pessoa, faça a diferença, até mais em breve.

Dicas para cuidar da voz

Clique em qualquer botão de rede social e compartilhe.. 😀


Cuidados básicos que auxiliam a preservar a saúde vocal, prevenindo alterações e doenças vocais devem ser seguidos por todos, principalmente pelos que utilizam mais a voz ou com tendência a apresentar alterações vocais.

Para ter uma boa voz, é preciso uma boa saúde vocal e ter boa saúde vocal significa ter uma voz clara, e limpa, emitida sem esforço e agradável ao ouvinte.

O que fazer para manter a voz saudável?

Dicas para cuidar da voz
Dicas para cuidar da voz
  • Beba bastante água(em temperatura ambiente) enquanto estiver falando, em pequenos goles. Um corpo permanentemente hidratado significa pregas vocais hidratadas e com melhor flexibilidade e vibração. O ideal é ingerir de 7 a 8 copos por dia, porem, a cor da urina (clara) pode auxiliar no controle de uma hidratação adequada.
  • Preocupe-se em manter uma alimentação equilibrada, sem grande numero de horas em jejum, mastigando bem cada alimento a ser ingerido.
  • Coma maçã, pois é adstringente e limpa o trato vocal. Além disso, sua mastigação exercita a musculatura responsável pela articulação das palavras.
  • Use roupas confortáveis e de tecidos que absorvam a transpiração. Roupas leves e folgadas são idéias para quem trabalha com a voz. Sapatos confortáveis favorecem a postura correta.
  • Sono regular, momentos de lazer e atividades físicas adequadas também contribuem para uma boa produção vocal.
  • Procure respirar sempre corretamente, levando ar até o abdômen e expandindo as costelas. Não eleve os ombros e o peito como se fosse um pombo. E o abdômen que tem de se expandir como se estivesse cheio de ar.
  • Enquanto estiver falando, mantenha a postura de corpo ereta, no eixo, porem relaxada, principalmente a cabeça.
  • Evite competir com ruídos externos durante a fala. Fique atento a eles e procure não aumentar o volume de sua voz na tentativa de superá-los.
  • Tente não gritar. Se for possível, opte sempre pelo microfone ao falar em publico.
  • Fale pausadamente e de maneira correta, articulando bem as palavras, mas sem exagero.
  • Ter audição normal é importante, pois o monitoramento vocal é realizado pela audição.
  • Ao sentir vontade de tossir ou pigarrear, respire profundamente pelo nariz e engula a saliva várias vezes ou beba água, pois essas ações provocam um forte atrito nas pregas vocais, irritando-as.
  • Para diminuir a tensão na região dos ombros e do pescoço, boceje e espreguice diversas vezes ao dia.
  • Após o uso intenso da voz, procure permanecer em repouso vocal por algum tempo.
  • Outro fator importante é o ambiente de trabalho. Procure discutir com seus colegas e chefes meios que possibilitem um ambiente de trabalho agradável, capaz de diminuir a tensão e favorecer o diálogo. Uma voz saudável é resultado de cuidados individuais e de ações ambientas.

Os inimigos da voz

  • Cigarro e qualquer tipo de droga irritam a mucosa do trato vocal e aumentam a sensação de pigarro, podendo causar alterações nas pregas vocais.
  • Bebidas alcoólicas devem ser evitadas. Alem de irritarem a mucosa do trato vocal, têm efeito anestésico, que mascara a dor de garganta. As bebidas destiladas são mais prejudiciais que as fermentadas.
  • Sprays, pastilhas e dropes também têm efeito anestésico, mascarando sintomas e permitindo o abuso vocal.
  • Alergias são consideradas prejudiciais à voz. Substancia como fumaça e poeira devem ser evitadas por pessoas alérgicas. As alterações psíquicas podem desencadear crises à medida que aumentam a sensibilidade do organismo, causada pela diminuição das defesas.
  • As mudanças bruscas de temperatura são prejudiciais à voz. As bebidas geladas ou muito quentes também produzem choque térmico no organismo.
  • Bebidas à base de cafeína, refrigerantes, frituras e alimentos pesados, gordurosos ou condimentados podem dificultar a digestão, provocando refluxo gastresofágico. Se você possui tendência à azia e má digestão, evite essas substancias. A “queimação” pode chegar às pregas vocais e irrita-las.
  • Pessoas com predisposição a alterações vocais devem evitar chocolate, leite e derivados antes do uso intenso da voz. Esses alimentos aumentam a secreção do muco no trato vocal, o que induz à produção de pigarro.
  • Ambientes com ar condicionado também devem ser evitados. Nesse caso, o resfriamento é feito com redução da umidade do ar, o que resseca a mucosa do trato vocal, prejudicando a voz.
  • Alguns medicamentos interferem na produção vocal. Evite a automedicação. Cuidado com receitas caseiras (gengibre, romã, vinagre e alho). Não há estudos que comprovem a eficácia desses produtos.
  • Ambiente de trabalho ruidoso, tenso e estressante é prejudicial à voz. Ele propicia tensão corporal e laríngea, e a emissão vocal, nessas condições, e feita com esforço, levando a um desgaste vocal.
  • Gritar constitui-se numas das atitudes mais agressoras para a laringe, pois nesse momento ocorre uma verdade “trombada” entre as pregas vocais. Por esse motivo, o grito deve ser evitado, ficando exclusivo para momento de perigo ou sobrevivência.
  • Cantar de maneira inadequada ou abusiva em videokês ou fazer parte de corais sem preparo vocal.
  • Falar durante os exercícios físicos: qualquer exercício de esforço muscular junto com a fala irá provocar sobrecarga na musculatura da laringe.

Estando livre das tensões e mantendo a respiração adequada à fala, o profissional deve verificar de que forma está articulando as palavras. Todos os órgãos móveis da boca, tais como, língua, bochechas, lábios, palato mole e mandíbula, devem ser bem articulados, produzindo os pontos articulatórios dos fonemas e a forma bucal das vogais de maneira correta.

É fundamental que haja harmonia entre a respiração e a articulação, para que a colocação da voz seja feita com naturalidade. Qualquer pessoa pode brincar com sua voz sem cometer esforço, desde que tenha um preparo.

Fonte: http://www.clubedafala.com.br

Como fazer uma entrevista jornalística?

Clique em qualquer botão de rede social e compartilhe.. 😀

Entrevista Jornalistica
Como fazer uma entrevista jornalística? Esteja seguro com essas 4 dicas

Rádio no ar, público crescendo e chegou a hora de produzir um conteúdo especial, com direito à entrevistados e tudo mais.

Mas, você sabe como fazer uma entrevista jornalística?

Embora essa não seja uma tarefa simples, com algumas dicas é possível otimizar suas produções e preparar um material ainda mais completo para os seus ouvintes.

Quer saber mais sobre o assunto? Então, confira as quatro dicas que separamos para você e esteja seguro para realizar as suas próximas entrevistas jornalísticas.

Em primeiro lugar – Planeje a entrevista

O primeiro passo para uma entrevista de sucesso é o planejamento que deve começar bem antes das perguntas de fato serem feitas. Escolha um tema relevante e inovador para o seu público, identificando o melhor enfoque para abordá-lo e as pessoas ideais a serem entrevistadas.

É possível realizar entrevistas realmente incríveis de forma bem simples, desde que o planejamento seja feito da forma correta, considerando cada etapa do seu projeto e a melhor forma de concretizá-lo em um conteúdo de qualidade para os seus ouvintes.

Em segundo lugar – Pesquise

Após planejar a sua entrevista e definir os potenciais entrevistados, é hora de pesquisar. Procure mais informações sobre os assuntos e pessoas escolhidas para a reportagem, sempre buscando se aprofundar e encontrar novidades sobre a temática.

Um bom jornalista precisa estar sempre preparado para as suas entrevistas, e a melhor forma de fazer isso é por meio de pesquisas. Com informações relevantes em mãos, é possível definir as melhores perguntas a serem feitas e evitar constrangimento ou episódios de ignorância diante do entrevistado.

Em terceiro lugar – Escolha o melhor lugar

É possível fazer uma entrevista jornalística em qualquer lugar, seja por telefone, e-mail, skype, redes sociais ou até mesmo pessoalmente. Em cada situação, você precisa definir qual é o lugar ou plataforma mais indicados para o sucesso do seu projeto.

Em caso de abordagem direta na rua, você precisa escolher um lugar onde os transeuntes estejam interessados ou tenham um mínimo de conhecimento sobre o assunto em questão. Por isso, esteja sempre atento na hora de definir os melhores ambientes para a sua entrevista.

Em quarto lugar – Defina as perguntas

Após planejar, pesquisar e identificar potenciais entrevistados, chegou a hora de elaborar o seu roteiro de perguntas. As perguntas são essenciais para a sua entrevista, podendo definir o sucesso ou fracasso dela. Por isso, redobre o cuidado e a atenção nessa parte!

Faça perguntas bem elaboradas, dividindo-as por ordem de temas e importância. E fique sempre atento e aberto a mudanças. Às vezes a pergunta dada pelo entrevistado pode dar abertura para uma nova questão ainda mais interessante do que as planejadas.

Esteja atento ao formato das questões formuladas, porque elas podem conduzir a sua entrevista de uma forma positiva ou negativa. As perguntas abertas dão ao entrevistado uma possibilidade de resposta mais completa e embasada, enquanto as perguntas fechadas limitam-se às respostas “sim” ou “não”.

Em conclusão como você pode perceber, fazer uma entrevista jornalística pode se transformar em uma atividade mais simples do que se imagina. Basta que você se organize, planeje as suas ações e trabalhe duro nas suas reportagens.

FONTE: BRUNO FARIA – TELETRONIX