Facebook
Google+
Twitter
LinkedIn
Enem 2018
Enem 2018A prova será realizada em dois domingos consecutivos – dias 4 e 11 de novembro.

No primeiro domingo do Enem 2018, os candidatos farão as provas de Ciências Humanas (45 questões de geografia, história, filosofia e sociologia) e Linguagens e Códigos (45 questões de língua portuguesa, literatura e língua estrangeira, podendo ser inglês ou espanhol, a depender do que o candidato escolheu no momento da inscrição), além da redação (um texto de prosa dissertativo-argumentativo). No segundo domingo é a vez das provas de Ciências da Natureza (45 questões de biologia, química e física) e Matemática (45 questões).

Segue horários:

Domingo 04/11 das 13h30 ás 19h (horário de Brasília)
45 questões de Linguagem e Códigos
45 questões de Ciências Humanas
Redação
Os portões serão abertos ás 12h e fechados ás 13h

Com esse espaço de uma semana entre a primeira e a segunda provas, os candidatos poderão descansar, analisar o que funcionou em sua estratégia e revisar conteúdos. Mas é preciso tomar cuidado para que esse tempo não gere ainda mais ansiedade.

“O ideal, na semana entre as provas, é fazer uma revisão leve dos conteúdos mais frequentes nas provas de Matemática e Ciências da Natureza. Nada de desespero, nada de tentar tirar o atraso e ler a apostila inteira. Recomendamos que o estudante revise apenas os principais tópicos e resolva questões de anos anteriores”, recomenda Tony Manzi, professor de biologia e diretor do curso Maximize.

 

ATENÇÃO!

  • Caderno personalizado: Os cadernos de prova serão personalizados, com o nome e o número de inscrição do candidato impressos na capa, juntamente com o cartão de resposta, encartado na prova. Segundo o MEC, a medida é para aumentar a segurança do exame. Os quatro cadernos de cores diferentes serão mantidos.
  • Certificação: O exame não serve mais para obter o certificado do Ensino Médio. Essa função passará a ser do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja).
  • Isenção da taxa: O MEC será mais rigoroso em relação às isenções de taxa para evitar fraudes. Quem solicita isenção por ter registro no CadÚnico, o banco de dados do governo federal para pessoas em situação de carência socioeconômica, deverá informar o Número de Identificação Social (NIS) no ato da inscrição. Caso um estudante isento da taxa não compareça ao exame, só poderá utilizar o benefício no ano seguinte caso comprove a ausência por meio de documento oficial ou atestado médico.
  • Notas das escolas: O resultado do Enem por escola, a partir das médias dos estudantes no exame, não será mais divulgado. Esse resultado costumava servir de base para a elaboração de ranking de qualidade das escolas. Segundo o MEC, o Enem foi concebido para avaliar estudantes do Ensino Médio e não escolas.
Calendário do Enem 2018

4 e 11 de novembro Provas
14 de novembro Gabarito oficial
17 de janeiro de 2019 Divulgação dos resultados

Perguntas feitas e respondidas
1 – Quando será cada prova e qual sua duração?

A prova agora será realizada nos dias 4 e 11 de novembro. O primeiro domingo terá Ciências Humanas (45 questões de geografia, história, filosofia e sociologia) e Linguagens e Códigos (45 questões de língua portuguesa, literatura e língua estrangeira), além da redação. No segundo domingo é a vez das provas de Ciências da Natureza (45 questões de biologia, química e física) e Matemática (45 questões).

2 – Que horas começa a prova?

Depende do estado em que você mora. Fique atento com o horário de verão: os portões serão abertos às 12h e fechados às 13h, de acordo com o horário de Brasília. Se você chegar atrasado, não poderá entrar. Por isso, conheça bem o caminho até o seu local de prova e pesquise as melhores alternativas para chegar lá. A aplicação do exame começará sempre às 13h30 e irá até as 19h no dia 4 e até as 18h no dia 11.

3 – Preciso levar o cartão de confirmação impresso no dia?

É recomendável, mas não obrigatório. O cartão de confirmação do Enem estará disponível no site do exame. O cartão informa o local onde cada estudante fará as provas, além do número de inscrição e dos horários. Para ter acesso, é preciso informar o CPF e a senha cadastrada no momento da inscrição. No cartão, informa-se também se o estudante pediu atendimento especializado e ou específico e qual a opção de língua estrangeira – inglês ou espanhol.

4. Posso alterar meu local de prova?

Mudanças do local indicado para a realização das provas são possíveis somente no período de inscrições, logo não é possível fazer alteração. O participante realizará a prova no município informado no ato de inscrição.

5 – Que documentos preciso apresentar na prova do Enem?

É necessário apresentar um documento original com foto, que pode ser: Cédula de identidade (RG); a Carteira de Trabalho e Previdência Social; o Certificado de Reservista; o Passaporte e a Carteira Nacional de Habilitação com fotografia.

6 – Perdi meu RG. Posso levar certidão de nascimento ou cópia autenticada do RG?

Não serão aceitos em hipótese alguma Certidão de Nascimento, Certidão de Casamento, Título Eleitoral, Carteira Nacional de Habilitação em modelo anterior à Lei nº 9.503/97, Carteira de Estudante, crachás e identidade funcional de natureza privada, nem documentos ilegíveis, não identificáveis e/ou danificados, ou, ainda, cópia de documentos, mesmo que autenticadas. Nessas situações, o participante poderá fazer a prova desde que apresente o boletim de ocorrência expedido por órgão policial, emitido há, no máximo, 90 (noventa) dias da data de realização das provas, e seja feita a identificação especial, com a coleta de dados e assinatura em formulário próprio.

7 – Posso usar calculadora na prova?

Não. O participante não pode, sob pena de eliminação, portar quaisquer dispositivos eletrônicos, o que inclui calculadoras, agendas eletrônicas ou similares, telefones celulares, smartphones, tablets, iPods, pen drives, mp3 ou similar, gravadores, relógios, alarmes de qualquer espécie ou qualquer receptor ou transmissor de dados e mensagens.

8 – Posso levar comida para a prova do Enem?

Sim.

9 – Posso faltar ao trabalho para fazer o Enem?

Não ir ao trabalho para prestar exames de vestibular é considerado, pela CLT (Consolidação das Leis do Trabalho), uma falta justificada, que não deve ser descontada do salário – desde que a pessoa apresente um comprovante ao setor de recursos humanos da empresa. Como o Enem tem sido usado como vestibular em muitas instituições, em tese ele se enquadraria nisso. De qualquer forma, não deixe de conversar com seu chefe antes.

O Inep disponibilizará para impressão, na Página do Participante, a Declaração de Comparecimento, mediante informação de CPF e senha. O participante que tiver interesse deverá apresentar a declaração impressa, em cada dia de aplicação, ao Coordenador de Local, para preenchimento e confirmação de sua presença no Exame. Atenção! O comprovante não será mais disponibilizado no local de prova como nas edições anteriores.

10 – Que tipo de caneta pode ser usada no dia da prova?

Apenas caneta esferográfica de tinta preta, fabricada em material transparente.

11 – Posso levar lápis e borracha?

Não. Caso o candidato leve, será pedido para que ele guarde os objetos dentro do saquinho que será entregue antes da prova, junto com outros pertences pessoais do candidato.

12 – Quando o participante poderá deixar o local do exame?

Somente após duas horas do início das provas, sob pena de eliminação.

13 – Em que momento o participante poderá levar o caderno de questões?

Somente nos últimos 30 minutos antes do término das provas, sob pena de eliminação.

14 – Posso usar qualquer roupa para fazer o Enem?

O edital só apresenta restrições quanto ao uso de óculos escuros e artigos de chapelaria, como boné, chapéu, viseira, gorro e similares, que são todos proibidos. A recomendação é a de usar uma roupa confortável. Bermuda e chinelos são permitidos.

15 – Posso levar relógio para a prova do Enem?

Não, mesmo se for analógico. Se você levar um relógio, ele deverá ser recolhido pelo fiscal do exame e guardado em um porta-objetos.

16 – Posso levar bolsa ou mochila na prova do Enem?

Sim, mas alguns fiscais de prova podem pedir para que as bolsas e mochilas sejam colocadas na parte da frente da sala de aula, distante do candidato.

Por enquanto é isso, espero que tenham uma ótima prova. Foco,fé e força.

Deixe uma resposta

Comunidade