Dicas de oratória

Facebook
Google+
Twitter
LinkedIn
Dicas de oratória

Dicas de oratóriaO que é oratória? Nada mais é que um conjunto de regras que constituem a arte do bem dizer, a arte da eloquência; retórica.
Mas, o que compõem a oratória?
– a forma como o orador se apresenta;
– sua postura;
– sua imagem;
– e sobretudo o poder de argumentação.

Tudo isso contribui para convencer ou não o interlocutor.

Portanto aqui vão algumas dicas de oratória pra você se destacar ainda mais em seus discursos.

1. Saber exatamente o que vai dizer no início, quase palavra por palavra, pois neste momento estará ocorrendo maior liberação da adrenalina.

2. Levar sempre um roteiro escrito com os principais passos de apresentação, mesmo que não precise dele. Afinal, isso trará mais segurança.

3. Se tiver que ler algum discurso ou mensagem, imprima o texto em um cartão grosso ou cole a folha de papel numa cartolina, assim, se as suas mãos tremerem um pouco o público não perceberá e você ficará mais tranqüilo.

4. Ao chegar diante do público não tenha pressa para começar. Respire o mais tranqüilo que puder, acerte devagar a altura do microfone (sem demonstrar que age assim de propósito), olhe para todos os lados da platéia e comece a falar mais lentamente e com volume de voz mais baixo. Assim, não demonstrará a instabilidade emocional para o público.

5. No início, quando o desconforto de ficar na frente do público é maior, se houver uma mesa diretora, cumprimente cada um dos componentes com calma. Desta forma, ganhará tempo para superar os momentos iniciais tão difíceis. Se entre os componentes da mesa estiver um conhecido aproveite também para fazer algum comentário pessoal.

6. Antes de falar, quando já estiver no ambiente, não fique pensando no que vai dizer, preste atenção no que as outras pessoas estão fazendo e tente se distrair um pouco.
7. Antes da apresentação evite conversar com pessoas que o aborreçam, prefira falar com gente mais simpática.

8. Antes de fazer sua apresentação, reúna os colegas de trabalho ou pessoas próximas e treine várias vezes. Lembre-se de exercitar respostas para possíveis perguntas ou objeções, com este cuidado não se surpreenderá diante do público.

9. Caso dê branco, não se desespere. Repita a última frase para tentar lembrar a seqüência. Se este recurso falhar, diga aos ouvintes que mais a frente voltará ao assunto. Se ainda assim não se lembrar, provavelmente ninguém irá cobrar por isso.

10. Todas essas recomendações ajudam no momento de falar, mas nada substitui uma consistente preparação. Use sempre todo o tempo de que dispõe.

Dicas de oratória

Falar bem e saber argumentar são quesitos fundamentais nos profissionais de hoje e podem ser aprendidos e aperfeiçoados através de estudo e prática.

Desenvolva suas habilidades de argumentar e garanta boas relações profissionalmente, obtendo metas de modo cooperativo e construtivo sem gerar conflitos.

Enfim, faça desse post mais um instrumento de aprendizado e bom estudo.

Até a próxima!

Deixe uma resposta