fbpx
CARREGANDO

Escreva para pesquisar

Técnicas de comunicação para rádio: saiba as melhores

Compartilhar

O rádio é um meio de comunicação com muita credibilidade no Brasil. Notícias apuradas, apresentadores carismáticos e programação de qualidade são alguns dos fatores que cativam os ouvintes.

No entanto, o ponto-chave para que tudo isso aconteça é usar técnicas de comunicação para que todas as informações sejam prontamente entendidas pelo público.

Você é locutor de uma web rádio e quer saber como falar melhor com sua audiência? Confira algumas das melhores técnicas de comunicação!

Qual a importância de uma boa comunicação para um radialista?


O rádio é um dos principais veículos de comunicação da história. Sua função é importante até hoje, pois a maior parte da audiência o percebe como um veículo de credibilidade.

Mas por ser um meio em que a informação é passada rapidamente, sua prioridade sempre foi uma comunicação clara e de fácil entendimento para o ouvinte. Além disso, sua função social é de extrema importância. Além de veículo para denúncias, o rádio também tem função comunitária.

Por ser um meio barato e acesso muito simples, o rádio é um companheiro das casas brasileiras. Por isso, muitos radialistas são vistos como amigos pelo seu público.

O radialista é o intermediário entre informação e público. Dependendo de sua popularidade, ele torna-se a figura que personifica a rádio. Portanto, sua comunicação com o público é fundamental.

Quais as melhores técnicas de comunicação para radialistas?


Veja nossas dicas para a melhoria gradativa do trabalho de comunicador de web rádio:

Dicção perfeita


Como dissemos, rádio é um veículo que exige o rápido entendimento da informação pela audiência. Portanto, clareza na dicção é fundamental para que isso aconteça. Veja nossas dicas para uma fala sempre limpa:

faça um aquecimento: aquecer a voz é de praxe, e nada melhor do que exercícios. Vibre a língua usando o “R”, leia trava-línguas e repita as vogais aumentando gradativamente a voz;
preste atenção na respiração: respirar corretamente parece fácil, mas não é bem assim. Grande parte das pessoas não sabe que o correto é usar o diafragma, e não os pulmões, para inspirar e expirar. Portanto, faça exercícios de expansão e contração do abdome;
leia o menos possível: uma locução boa é natural, portanto leia o menos que puder. Você pode ler uma notícia e comentá-la, mas a maior parte da sua fala deve ser livre;
escreva por extenso: quando tiver que ler uma notícia, deixe tudo escrito por extenso, incluindo números e porcentagens. Isso vai ajudar muito em trechos que precisam ser ditos rapidamente;
tenha uma identidade: embora não seja uma dica sobre dicção, é sempre bom lembrar que um locutor precisa ter uma marca. Fale com naturalidade, mas coloque um estilo único na sua apresentação.

Qualificação constante


Estudar é essencial em qualquer profissão, certo? Com o profissional de rádio, isso não seria diferente. Oratória, elaboração de roteiro e locução para rádio são alguns cursos livres que vão trazer muita bagagem ao seu trabalho.

Se preferir um aprofundamento maior, o bacharelado em Jornalismo ou Rádio e TV vai acrescentar ainda mais. Nesses cursos, além de entender como funcionam a fala e a escrita para esse meio de comunicação, você vai aprender as ferramentas necessárias para pesquisa e apuração de notícias.

Atenção às entrevistas


Um simples convidado pode ser a fonte de uma ótima entrevista. Para isso, você precisa estar preparado:

Conheça o entrevistado


É muito desagradável para o convidado perceber que o entrevistador não faz ideia de quem ele seja. Além disso, esse desconhecimento fica muito claro para o ouvinte. Um apresentador preparado estuda sobre o entrevistado, sua carreira e sobre o que ele tem feito de importante ou interessante nos últimos anos.

Conhecer o entrevistado também é fator-chave para entrevistas com figuras polêmicas ― um político, por exemplo. Além de você fazer perguntas que realmente interessam aos ouvintes, a chance de deixar pontas soltas durante a conversa é muito menor.

Faça uma leitura das perguntas


Por mais que você tenha preparado as questões, não se apegue apenas à memória. Diversos fatores, desde o nervosismo até uma leve distração, podem comprometer toda a entrevista. Releia as perguntas para ter uma orientação e mais segurança durante a conversa. No entanto, não fique olhando para a ficha o tempo inteiro.

Preste atenção no que o convidado diz


Quando o entrevistado está envolvido numa questão polêmica, a chance de que ele tente “enrolar” numa resposta é grande. Portanto, tenha atenção total no que ele diz. Não fique satisfeito com uma fala que não seja condizente com o que foi perguntado. O ouvinte atento percebe que o convidado está tentando fugir da questão, e deixar esse tipo de fala passar pode descredibilizar o entrevistador.

Além disso, não se prenda apenas às perguntas feitas na pauta. Aproveite pontos interessantes da conversa para questionar. Caso o convidado diga algo completamente diferente daquilo que você encontrou previamente na pesquisa, questione. A entrevista vai ficar muito mais interessante.

Domínio da programação da rádio


Sendo apresentador ou dono da web rádio, é importante conhecer toda a programação. Entendendo o tipo de conteúdo e a abordagem de cada programa, você demonstra intimidade com a emissora e respeito por todos os profissionais envolvidos. Além disso, caso algum ouvinte faça uma pergunta sobre determinado programa, você saberá responder com tranquilidade.

Linguagem adequada ao público


Comunicação não é saber apenas o que, mas como falar. Cada público pede uma abordagem diferente. Você não fala com adolescentes da mesma forma que conversa com adultos. Isso funciona também com seu público: ele é feminino, masculino ou neutro? De qual faixa etária? Onde reside? Qual a classe social? Faça um bom estudo da sua persona.

Na hora de adequar sua linguagem, leve também em consideração a linha editorial e o assunto central da emissora. Uma web rádio jornalística tem um tom mais formal que outra voltada especificamente para determinado gênero musical.

Conteúdo apurado


Preocupar-se com o conteúdo da sua programação é demonstrar atenção ao seu público. Seja de qual segmento for, a informação deve ser apurada. Mas passar dados sem fontes confiáveis e contar boatos acaba com a credibilidade de qualquer veículo de comunicação.

Sempre que quiser abordar uma notícia, faça uma pesquisa, apure fatos discordantes entre si (para descobrir qual o verdadeiro) e converse com fontes confiáveis. Ninguém está imune a uma barrigada jornalística, mas é sempre possível evitá-la.

O rádio é um veículo de confiança e tradição nas casas brasileiras, e não é só porque a sua emissora é online que deve ser tratada de forma diferente. Para um diálogo efetivo com seu público, é essencial usar técnicas de comunicação já testadas e aprovadas por profissionais do ramo. Portanto, é só colocá-las em prática para levar o melhor conteúdo ao seu ouvinte.

Agora que você já sabe o que é necessário para ter uma comunicação efetiva com seu público, descubra quanto é preciso investir para ter uma rádio!

Fonte: maxcast.com.br

Tags::

Você pode gostar também

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.