REDES SOCIAIS PARA EMPRESAS: 3 DICAS PARA COMEÇAR

26 de agosto de 2021

Redes sociais para empresas exigem mais do que publicações frequentes. Nesse artigo, você confere como montar uma estratégia prática que vai ajudar sua marca a ir além dos likes, para alavancar seus resultados.

  • Porque investir nas redes sociais para empresas
  • Dica 1: Apresentação estratégia
  • 2: Planejamento de conteúdo
  • 3: Interação e engajamento

Porque investir nas redes sociais para empresas

Você sabia que 71% dos clientes que tiveram uma boa experiência de compra nas redes sociais recomendariam a marca para amigos e familiares? É o que afirma uma pesquisa realizada pela Oberlo, plataforma internacional de drop shipping.

Se antes elas serviam apenas como entretenimento, hoje interferem diretamente na busca por produtos e serviços e seu negócio deve responder a isso. De acordo com o estudo, o número de usuários chegou aos 3.2 bilhões em 2020, o que representa 42% da população em todo o planeta.

As pessoas não estão apenas conectadas às redes sociais, mas são influenciadas diretamente pelos conteúdos que consomem. Dados da mesma pesquisa afirmam ainda que 54% dos consumidores fazem uso das redes durante o processo de compra; e que 73% das marcas entrevistadas tiveram um retorno positivo ou muito positivo com o marketing nas redes sociais.

Bom, você já tem provas suficientes para acreditar que sua marca deve pensar na experiência do usuário como um todo: desde o processo de atração até o pós-venda. Agora vamos entender como fazer isso na prática.

Apresentação Estratégica

A primeira dica relacionada às redes sociais para empresas é apostar em uma apresentação estratégica da sua marca. Em outras palavras, você deve estar atento a todos os detalhes e explorar o máximo de cada canal.

Para começar, não abra mão de imagens e fotos de qualidade, tanto para as publicações quanto para o perfil da empresa em cada rede social. O ideal é que as imagens dos perfis e capas sejam padronizadas e alinhadas à identidade visual da marca.

Da mesma forma, não se esqueça de utilizar preencher a descrição em cada rede social, por exemplo, a bio no Instagram, a área de sobre no Facebook e a descrição no Linkedin. Assim, mesmo quem ainda não te conhece, pode entender o que você faz e onde atua. Para isso, crie descrições claras e objetivas, que chamem a atenção do seu público-alvo.

Embora pareça óbvio, vale lembrar a necessidade de manter os horários de funcionamento atualizados, bem como os telefones de contato, whatsapp e e-mail. Quanto mais informações e formas de contato estiverem disponíveis, mais fácil será para o seu público te encontrar e melhores serão os seus resultados. 

Planejamento de conteúdo

Invista em planejamento de conteúdo! Publicações esporádicas e sem estratégia minimizam a potência que a sua rede social pode oferecer. Planejar ajuda a otimizar tempo e aumentar os resultados de interação, engajamento e vendas.

Primeiro, entenda quem é seu público nas redes sociais e quais são suas necessidades. O que ele procura? Como utiliza as mídias sociais? Essas respostas variam bastante de acordo com a idade e as preferências pessoais.

Em segundo lugar, escolha o tom de voz apropriado. Lembre-se que, ao falar com todo mundo, você não fala com ninguém. Definir sua linguagem ajuda sua marca a se aproximar do público e destaca seu conteúdo em relação aos demais.

Com essas duas regras em mente, é hora de definir o que você irá compartilhar. As redes sociais para empresas são muito relevantes para a etapa de atração do funil de vendas, que se refere à primeira etapa, quando o consumidor ainda não sabe que precisa de você, mas quer saber mais sobre o mercado em que você atua.

O principal erro quando o assunto são as redes sociais para empresas é transformar seus perfis em catálogos. Lembre-se: você nunca deve panfletar no Facebook, Instagram ou LinkedIn. Para não cometer esse erro, evite falar sobre você. Compartilhe conteúdos atrativos, com dicas úteis para o dia a dia do seu público, informações sobre o mercado e temas que estejam em alta. 

Se o seu negócio vende roupas, por exemplo, você pode falar sobre as tendências da moda. Gráficas podem dar dicas sobre a importância dos materiais impressos para o marketing de empresas. Indústrias podem falar sobre a utilidade dos seus produtos, etc.

Interação e engajamento

Por fim, a terceira dica sobre redes sociais para empresas é a respeito da importância de promover a interação e o engajamento do seu público. Isto é, apostar em ações que aproximem a sua marca de clientes em potencial.

Como a comunicação por elas é mais informal, sua marca também pode falar de uma maneira mais leve e íntima. Para isso, investir em anúncios no Facebook Ads é fundamental. Lembre-se de que existem muitos negócios do mesmo segmento com o objetivo de atingir o seu público.

Quando você colocar a estratégia certa em prática, seu público vai começar a interagir. Nesta hora, não se esqueça de fazer a sua parte: responder comentários e mensagens é fundamental. Seguindo essas dicas de redes sociais para empresas, você terá excelentes resultados, aumentará o alcance da sua marca, conquistará novos clientes e irá fidelizar aqueles que já fazem parte da sua carteira.

Fonte: www.spiner.com.br

Social Media

MAIS VISTOS

Receba as últimas atualizações

Assine nossa newsletter semanal

Sem spam, notificações apenas sobre novas postagens e ofertas

DOWNLOADS

Categorias