Dica de sucesso… :D

Para apresentar uma programação de sucesso na sua web rádio, apesar de utilizar somente a voz, a linguagem deve ser bem pensada e simples. Isso significa que mesmo usando a fala, a escrita precisa existir. Por isso um roteiro é indicado para o dia a dia da sua rádio.

As vezes é necessário improvisar, mas empregar o improviso na rotina da sua rádio pode parecer desorganização. E o roteiro existe pra isso, para organizar ideias e pensamentos.

O script tem a intenção de deixar o locutor mais seguro, podendo conter até sinais que indicam qual a entonação da voz a ser utilizada em determinado momento. Além de evitar falhas desnecessárias na hora da locução.

Neste artigo, vamos abordar alguns assuntos importantes para seu roteiro e que vai ajudar, principalmente, na sua programação diária.

COMO TER UMA PROGRAMAÇÃO DE SUCESSO NA SUA WEB RÁDIO

Uma rádio é basicamente dividida por gêneros: musical, variedade, popular, informativo, esportivo e humorístico. Mas, popularmente e mais dinâmica, assim como o rádio, a maioria se divide em informação, entretenimento e esportes.

Porém, como saber qual tipo de gênero diz mais aos meus ouvintes? É preciso abordar todos eles? Não é necessário ter todos os gêneros na sua rádio. Você pode definir o que quer passar e quais os gêneros abordar.

Para apresentar uma programação de sucesso na sua web rádio, dividimos nosso artigo em três itens que consideramos importantes em todas as rádios:

1. Segmentação: é onde falaremos sobre os nossos queridos ouvintes. Nesse item você vai aprender a conhecer o seu ouvinte;
2. Intervenções: nesse item vamos abordar o informativo, humorístico e variedade da sua web rádio;
3. Músicas: aqui falaremos sobre a playlist de músicas para a sua web rádio.

Vamos lá!

1. SEGMENTAÇÃO

A audiência é o que mede o tamanho do êxito da sua web rádio. Seja com 10, 100 ou 10000 ouvintes, sempre é bom aperfeiçoar, não é mesmo?

Entender seu público-alvo é um dos fatores relevantes para alavancar sua rádio. Além de melhorar a audiência, a programação passa a ser toda pensada e organizada de acordo com as preferências e características de seus ouvintes, gerando maior fidelização.

Como fazer isso? Tenha bate-papo com seus ouvintes. Abra votações, interações. Utilize seu site, suas redes sociais. Dessa forma, é possível identificar a faixa etária do seu público, sexo, classe econômica, se eles acessam pelo streaming no site ou app.

Outro recurso que é fundamental para conhecer o público-alvo e também verificar a sua audiência é a Estatística com Geolocalização.

Na Estatística com Geolocalização você consegue saber detalhadamente em qual cidade ou país seus ouvintes estão. Dessa maneira, você vai identificar em qual horário a sua web rádio tem mais audiência, consequentemente, qual estilo musical tem a preferência do seu público.

Para isso, é preciso estar atento, porque a geolocalização é em tempo real. Assim você terá que avaliar e comparar para conseguir um resultado mais preciso.

Para acessar a Estatística com Geolocalização, vá até o painel de sua web rádio. Lá você vai encontrar o ícone de estatísticas. Dentro desse link você já consegue visualizar a estatística de ouvintes mensal. Nessa mesma tela há um botão no qual, clicando, você saberá quantos ouvintes online naquele momento.

Mesmo com público definido é preciso estar atento. O interesse de seus ouvintes pode mudar. A simpatia diminui e junto dela, a audiência.

Compreender o público-alvo vai te ajudar a produzir a programação de sucesso na sua web rádio. Sabendo onde está o seu público, você consegue gerar maior engajamento. Entenderá exatamente qual melhor horário para colocar aquele programete de humor, horóscopo, as músicas mais pedidas. Você fala diretamente com o público daquela região. A partir daí, os ouvintes perceberão que o bloco musical e os assuntos estão voltados para eles.

2. INTERVENÇÕES

Minha web rádio pode apresentar uma programação somente com músicas? Pode sim. Mas, porque não acrescentar para seus ouvintes algumas intervenções?

Existem várias maneiras de incrementar a grade de programação da sua rádio.

  • Programetes: são pequenos áudios que enriquecem sua web rádio. Programetes de humor, notícia, horóscopo, entre outros;
  • Vinhetas: são jingles que destacam o programa, a rádio, ouvintes, entre outros;
  • Hora Certa: é um recurso no AutoDJ que você pode acrescentar no intervalo das músicas, para informar a hora exata, diariamente.

Contudo, incrementar com entrevistas e bate-papo também é uma boa pedida, sempre lembrando que entrevistas longas podem ser cansativas. Seus ouvintes podem gostar ou não desse tipo de intervenção. Se esse for o estilo da sua web rádio, ótimo. Caso não seja, vale a pena fazer apenas pequenas inserções informativas.

Para saber melhor sobre o que colocar na grade de programação, é aí que a segmentação, explicada anteriormente, te auxilia.

3. MÚSICAS

No tópico acima falamos da importância de definir o seu público. Tendo isso planejado, agora é a hora de dar aos seus ouvintes uma programação de qualidade. Porque não basta você ter investido em sua web rádio, comprado os melhores equipamentos, isolado a sala para ter uma acústica perfeita, se você não consegue atender seu público com qualidade através da sua programação.

Uma das maneiras de saber por onde seguir, musicalmente falando, é interagir com seus ouvintes. Por meio do seu site, pedidos de músicas, aplicativo, redes sociais é possível conhecer melhor seus ouvintes e identificar onde você pode incrementar, melhorar ou apenas incluir mais canções.

O que está em jogo aqui neste tópico é a relevância da sua web rádio. É preciso estar atento as músicas escolhidas para sua playlist. Escute toda a música antes de acrescentá-la à sua programação. Certifique-se de que é uma música limpa, pura, sem propagandas, narrações ou qualquer outra interferência. Garanta a qualidade da sua playlist e que junto dela não virá nenhuma surpresa, que não seja as que você preparou para seus ouvintes.

CONCLUSÃO

Com esses três itens é possível ter uma programação de sucesso na sua web rádio, aumentar a sua audiência, fidelizar seus ouvintes e adquirir mais anunciantes. Além de deixar a sua programação mais coerente e direcionada.

Depois de tudo, fica uma reflexão: o conceito da palavra sucesso.

O sucesso é relativo porque ele está ligado ao objetivo de cada pessoa, de cada empresa. Segundo o professor de Direito e Negociação da Universidade da Pensilvânia, nos Estados Unidos “Todo mundo tem a chance de definir o que é o próprio sucesso”. Já podemos citar algumas definições conhecidas. Para alguns, sucesso é ter dinheiro, para outros é ser reconhecido e para outros ainda é ter bastante audiência. “Quando você sente prazer, isso traz satisfação e você sente que tem um propósito. Isso é ter sucesso”, explica o professor.

E você já deve ter percebido que é ouvindo seus ouvintes que a programação de sucesso na sua web rádio pode ser alcançada.

6 razões para todo blogueiro ter sua própria rádio online

Para entender os benefícios que uma rádio online pode proporcionar a um blog, precisamos compreender que uma rádio aumenta o alcance das postagens de um blogueiro. Mas, como isso ocorre?

6 razões para todo blogueiro ter sua própria rádio online

6 razões para todo blogueiro ter sua própria rádio online

Quem tem um blog já possui um canal para veicular seu conteúdo. Neste canal, o blogueiro pode até mesmo ser remunerado por suas publicações. E isso pode acontecer porque os blogs que possuem elevado número de leitores são espaços desejáveis para quem quer vender produtos e serviços.

Por isso, os anunciantes estão dispostos a pagar ao blogueiro para colocar mensagens publicitárias no blog. E, quanto mais gente ler o blog, mais atraente ele será para a veiculação de mensagens publicitárias.

Consequentemente, quanto mais mensagens publicitárias, maior o faturamento do blogueiro.

Pensando nisso, por que não multiplicar o número de pessoas alcançadas por um blog através de uma rádio online? É uma excelente maneira de aumentar o potencial de faturamento de um blogueiro.

Se você ainda está na dúvida, confira mais motivos para investir na sua própria rádio online.

1. Pesquisas demonstram o grande alcance da rádio via internet

A digitalização é uma ferramenta para uma rádio estar em sintonia com a audiência. É o que diz a mais recente Pesquisa Regular de Rádio, divulgada pela Kantar Ibope Media.

Segundo os dados, 89% das pessoas residentes em 13 regiões metropolitanas do país ouvem rádio. Esse percentual representa mais de 52 milhões de ouvintes, que passam em média mais de cinco horas por dia ouvindo rádio.

Desse total, 15% ouvem programações via celular e 5% pelo computador, enquanto 56% utilizam os receptores convencionais.

E de acordo com outra pesquisa, a Audio.ad (que abrange o mercado de rádio tradicional, de rádio pela internet e também o formato áudio digital) tem as seguintes características em relação ao seu público:

– Oito em cada dez pessoas escutam rádio pela internet ao menos uma vez na semana;
– De um total de cinco mil entrevistados, 94% escutam áudio digital.

Esses dados reforçam o alcance da rádio online e como essa plataforma pode alavancar seu alcance.

2. A rádio online aumenta a eficácia das propagandas postadas no blog

Blogs podem ganhar dinheiro por meio de posts publicitários pagos (chamados publieditoriais), banners e anúncios interativos. Então, por que a rádio irá agregar financeiramente?

Para responder essa pergunta, é preciso entender um pouco do funcionamento das mensagens publicitárias. Veja:

– A propaganda se torna eficaz pela repetição;
– A rádio online pode transmitir repetidamente uma mensagem publicitária;
– Mensagens publicitárias ouvidas constantemente reforçam a familiaridade de marcas;
– Marcas familiarizadas são consideradas mais confiáveis, portanto, são mais consumidas;
– Esse potencial de familiarização de marcas tornando-as sempre presentes na vida dos ouvintes é o que torna a rádio online de um blog atraente para anunciantes e lucrativa para blogueiros.

Essas vantagens estão presentes apenas no formato áudio. Já que em banners e publieditorias, a repetição ficaria evidente, comprometendo inclusive a credibilidade do blog.

3. A programação de rádio pode ser customizada para atingir o público de seu blog

Uma programação focada no público-alvo das postagens do blogueiro levará o conteúdo do blog para segmentos específicos. Essa segmentação poderá ser feita:

– Por faixa etária;
– Por sexo;
– Por classe social;
– Por área geográfica;
– Por interesses específicos.

Todas essas especificações garantem que o conteúdo atinja exatamente o público desejado, o que evita dispersão da mensagem. Essa qualidade é interessante para anunciantes, pois garante melhor retorno do investimento publicitário.

4. O rádio pode acompanhar o público do seu blog o tempo todo

As pessoas podem fazer várias outras atividades enquanto ouvem música em uma rádio online. Alguns exemplos:

– Dirigir;
– Trabalhar;
– Estudar;
– Fazer pesquisar na internet;
– Correr ou caminhar na esteira;
– Malhar na academia;
– Andar na rua;
– Fazer compras no supermercado;
– Passear no shopping;
– Esperar na fila do banco ou outras;
– Caminhar em um parque e muitas outras.

Além do potencial do rádio para ser uma presença constante na vida do público-alvo, pesquisas indicam que anúncios são mais tolerados no rádio do que na televisão.

O ouvinte de rádio não costuma mudar de estação quando é veiculado um anúncio. Essa característica é extremamente atraente para anunciantes de blogs, pois eles têm objetivos como a familiarização da marca.

5. A rádio online é ágil e dinâmica, complementando o blog

A rádio online tem uma capacidade imediata de reação a eventos cotidianos. Sua agilidade pode complementar qualquer blog com serviços e informações relevantes.

A rádio é ideal para informações que não podem esperar o tempo normal de postagem e leitura de um blog. Ou seja, para acontecimentos cuja urgência pede comunicação imediata. Ao transmitir esse tipo de conteúdo informativo urgente, o blogueiro reforça seus laços com a comunidade local. Ele também estabelece ainda mais sua imagem positiva como comunicador relevante.

Alguns exemplos de acontecimentos que podem ser transmitidos primeiro pela rádio online do blog:

– Existe um engarrafamento em uma importante avenida de uma cidade. Os moradores podem ser avisados pela rádio online do blog;
– Ocorreu um assalto ou outro crime.

6. A rádio online gera engajamento

Como se sabe, leitores de blog podem interagir com blogueiros deixando comentários nos posts, que serão tanto pelo blogueiro quanto por outros leitores do blog. Por isso, o blogueiro pode participar dessas conversas dando informações adicionais se desejar.

Mas se o blogueiro deseja criar uma promoção para dar um prêmio aos leitores, nada melhor do que ter o apoio de uma rádio online. Isso porque o alcance da rádio online permite um maior envolvimento do público alvo com as promoções.

Os ouvintes podem ser estimulados a dar respostas a perguntas ao vivo pela rádio, concorrendo a prêmios se acertarem. Veja algumas possibilidades:

– Ouvintes poderão falar na rádio online ao vivo, como fazem em uma rádio tradicional;
– Ouvintes poderão responder a perguntas sobre os posts do blog, tendo suas respostas transmitidas imediatamente no ar, ao vivo.

E aí, está convencido a investir em uma rádio online? Compartilhe com a gente através dos comentários.

fonte: https://www.brlogic.com/

12 dicas para ser um bom locutor de rádio

Você já deve ter parado para pensar no que deve fazer para ser um bom locutor de rádio. Isso porque, provavelmente, você não quer ser apenas mais um profissional, e sim o profissional. Se seu objetivo é se destacar e ser reconhecido como bom no que faz, este deve ser o motivo pelo qual você chegou até este post.

 

imagem

A experiência costuma está por trás de todo profissional de sucesso, e isso não é diferente para um locutor de rádio. No entanto, além dela, há dicas importantes que podem ajudar você a ser melhor nessa carreira. Dicas que vão aumentar suas chances de ser um bom locutor de rádio e ser reconhecido como tal.

Confira abaixo como você pode se tornar um locutor melhor:

1 – Preparação

Para ser um bom locutor você vai precisar se preparar. Claro, há a preparação relacionada à própria fala, que envolve desde uma pronúncia clara até saber controlar a respiração e manter uma boa dicção. Mas também existe a preparação diária, que vai além da voz: ela se refere à sua rotina no ar.

Um bom locutor deve se manter preparado em relação ao que vai acontecer no programa. Por isso, chegar mais cedo e interar-se dos assuntos e da pauta do dia é essencial e indispensável.

Para isso, veja as dicas abaixo:

– Saiba de antemão a sequência de músicas que serão tocadas;
– Informe-se sobre possíveis entrevistados;
– Esteja antenado às novidades.

Como você pode ver, o preparo para ser um bom locutor pode começar bem antes do tempo que você vai estar no ar.

2- Saiba improvisar

Um bom locutor precisa falar de forma natural e isso pode requerer ajuda do improviso em muitas ocasiões. Há situações em que as coisas podem fugir da pauta e você vai ser obrigado a agir por conta própria.

Seja por conta de uma notícia de última hora, por algum erro ou até mesmo uma resposta atravessada de um entrevistado. Não vão faltar oportunidades que vão exigir que você tenha um bom jogo de cintura.

Por isso, tente criar situações em que você precise falar de temas aleatórios e corra atrás de informações sobre temas que você desconhece. Assim, você poderá ser um profissional melhor a cada dia.

3 – Mantenha-se atualizado

Estar antenado ao que acontece na cidade, no país e no mundo vai permitir que você tenha propriedade para comentar os assuntos da vez.

Isso não quer dizer que você precisa entender todos os assuntos de forma profunda. O que é importante aqui é saber o suficiente para manter seu ouvinte informado.

Isso vai ajudar você, caso precise improvisar. E, além disso, vai te dar mais credibilidade enquanto profissional.

4 – Use uma linguagem simples

Lembre-se que você está em uma rádio. As pessoas vão prestar atenção ao que você fala, então você precisa garantir que elas possam entender você com clareza, para que as informações cheguem sem ruídos.

Por isso, manter uma linguagem simples com palavras claras e fáceis de entender vai ajudar você a transmitir sua mensagem. Prefira frases curtas, para que, dessa forma, você possa se conectar com maior facilidade aos seus ouvintes.

5 – Cuide da sua voz

Por mais que a voz não seja o único fator que vai ajudar você a ser um bom locutor, cuidar dela é essencial. Afinal, ela será seu instrumento diário de trabalho.

Por isso, siga as orientações abaixo:

– Beba bastante água;
– Evite o álcool, assim como bebidas muito geladas ou quentes;
– Antes da locução, evite alimentos que podem engrossar a saliva e provocar pigarros – como leite, iogurte, chocolate e queijo;
– Evite alimentos com efeitos anestésicos, pois eles podem esconder problemas que você possa ter com a voz;
– Não fume, pois o cigarro prejudica o aparelho fonorespiratório;
– Faça gargarejos para evitar infecções na garganta.

6 – Faça exercícios vocais

Fazer exercícios que ajudem a manter a voz limpa são essenciais para ser um bom locutor. Isso porque eles vão evitar lesões nas suas cordas vocais.

O recomendado é que, diariamente, você pratique exercícios de língua e lábio para relaxar as pregas vocais.

7 – Descanse sua voz

Para ser um bom locutor, você terá que poupar sua voz quando estiver fora do estúdio. O repouso vocal é essencial, pois ele vai garantir que você esteja apto para trabalhar no dia seguinte.

Além disso, quando estiver no ar, você precisa se preocupar com outras coisas. Sua voz e se ela vai dar conta da gravação do dia não pode – e não deve – ser uma dessas preocupações.

8 – Tenha um bom desempenho no ar

Se sair bem quando estiver gravando o programa é bem mais do que falar bem. Procure se manter à vontade e controlar a ansiedade, caso esteja gravando ao vivo.

Por isso, é importante respirar e se manter relaxado. Estar preparado vai ajudar você se sentir mais confiante e, consequentemente, ter um desempenho melhor quando estiver trabalhando.

9 – Evite vícios de linguagem

Uma coisa é ter um bordão, uma frase pela qual você é conhecido. Outra bem diferente é ter vícios de linguagem, usando palavras ou expressões repetidamente.

Alguns exemplos são:

– É;
– Né;
– Aí;
– Tipo assim;
– Então.

Não há uma fórmula mágica através da qual você vai se livrar desse hábito. A dica aqui é se policiar, prestando bastante atenção às situações em que você apela para vícios de linguagem. Só assim, você será capaz de criar seus próprios meios de se livrar desse problema.

10 – Mantenha o ritmo da fala

Uma dica valiosa que vai ajudar você a ser um bom locutor de rádio é saber falar de forma calma e pausada. Lembre-se sempre que os ouvintes dependem da sua voz para se manterem atualizados sobre o que está acontecendo. E, para isso, você não pode sair atropelando as palavras, falando se forma acelerada.

Por isso, busque manter o ritmo da fala. E entenda que falar pausadamente não quer dizer ser lento, e sim ser claro.

11 – Acompanhe outras rádios e programas

Acompanhar o trabalho de outras emissoras e profissionais é uma forma de você se aperfeiçoar enquanto profissional. Isso vai ajudar você a se colocar no lugar do ouvinte e a ver o que funciona e o que não funciona.

Você vai poder ver como os bons profissionais se saem em situações inusitadas e, assim, poderá aprender com os acertos e erros deles.

À princípio, você pode se inspirar em um profissional. No entanto, use essa inspiração para encontrar seu próprio jeito e estilo.

12 – Conheça sua audiência

A partir do momento em que você está em uma determinada rádio ou programa, é importante saber o perfil de quem acompanha seu trabalho. Isso vai ajudar você a se dirigir melhor aos seus ouvintes.

Seja na hora de escolher o vocabulário ou de abordar determinados assuntos, conhecer a audiência é a base para que você se torne um locutor melhor. Até porque sua audiência também vai julgar o resultado final do seu trabalho.

Por isso, se a rádio tem Facebook, reserve um tempo para checar quem interage através da fanpage. Também é válido prestar atenção ao perfil dos ouvintes que ligam. Tudo isso vai ajudar você a saber quem são seus ouvintes e a conhecê-los melhor.

E aí, tem alguma dica ou sugestão para dar a quem quer ser um bom locutor de rádio? Então, não deixe de comentar neste post.